Thursday, December 18, 2014

Risoto de Ossobuco ao Molho de Melaço



Bem, amigos, estou de volta depois de uma longa pausa e peço desculpas pela minha ausência. E volto em grande estilo, com a dica de um prato saboroso e barato: o risoto de ossobuco. Pra quem não sabe o ossobuco é uma fatia da perna do boi, cortada transversalmente, de forma que o osso faça parte do corte. No “miolo" do osso está o tutano, uma parte deliciosa quando cozida. É geralmente um corte de carne “duro" que precisa ser cozido por bastante tempo ou em panela de pressão.

Como estou passando por algumas restrições alimentares (não estou podendo ingerir álcool e nem pimenta, por exemplo) e esqueci de comprar cheiro verde e cebolas, usei o que tinha em casa e o resultado ficou impressionante. Mas acredito que o prato ficaria ainda mais saboroso com um pouco de cebola, vinho branco e pimenta do reino, por isso vou incluir na receita e fica a seu critério utilizar ou não. 

Então anote aí os ingredientes (ao contrário do que é de costume, fiz uma porção pequena!):

Para preparar a carne: 
1/2 kg de ossobuco (isso deu umas duas peças de tamanho médio)
02 colheres de sopa de alho picado
02 colheres de sopa de molho inglês
01 cebola grande picada (ou você pode usar echalotes e deixá-las inteiras)
02 colheres de sopa de melado de cana( se não tiver, pode usar açúcar mascavo) 
01 xícara de vinho branco ou cerveja preta
250g de mini-cenouras ou duras cenouras grandes picadas em rodelas
Sal a gosto
Pimenta do reino a gosto

Para preparar o risoto: 
01 xícara de arroz para risoto (tipo arbóreo, por exemplo)
01 colher de sopa de alho picado
01 colher de sopa de manteiga

Se você for usar a slowcook (panela elétrica que cozinha em baixa temperatura) coloque todos os ingredientes na panela e cubra com pouca água, um pouco acima do nível dos ingredientes. Deixe cozinhando por cerca de 10-12 horas. 

Se for cozinhar no fogo em baixa temperatura, recomendo que use uma panela mais grossa, de ferro, por exemplo e utilize um difusor de calor (é um tipo de chapa que você coloca entre a panela e o fogo) para diminuir a temperatura e vai deixar cozinhando por 6-8 horas, tomando o cuidado para não deixar a água secar. 


Caso não queira levar esse tempo todo, pode usar a panela de pressão e cozinhar por cerca de 1 hora ou até a carne ficar bem macia, lembrando que, nesse caso, é melhor colocar mais água na panela

Cozida a carne, que deve estar bem macia, desmanchando e com o molho bem “grossinho”, parecendo um molho madeira - caso o molho esteja ralo, cozinhe mais um pouco com a panela aberta para a água evaporar - deixe a carne na panela e retire com cuidado uma boa quantidade do molho da carne, porque é ele que você utilizar para preparar o risoto. 

Derreta a manteiga numa panela aberta - geralmente eu uso a wok para fazer risotos - acrescente o alho e dê uma douradinha nele. Quando estiver dourado, acrescente o arroz. Mexa bem, sem deixar queimar. Acrescente um pouco do molho da carne, veja como o arroz fica douradinho, absorvendo o molho. 

Feito isso, coloque o resto do molho numa leiteira ou chaleira, complete com um pouco de água, leve ao fogo constante e vá molhando o risoto com esse caldo conforme a água vai secando. Tem gente que diz que o ponto certo do risoto é ele estar meio durinho, mas eu prefiro ele um pouco mais macio. Isso fica a seu gosto. Quando o arroz estiver cozido, adicione a carne. Eu preferi separar a carne em pequenos pedaços e jogar o tutano e as cenouras dentro do risoto, mas se você preferir montar um prato mais “gourmet”, pode pegar o pedaço com cuidado e colocar ao lado do risoto e das cenouras. Não esqueça de conferir se o sal está de acordo para seu paladar e acrescente mais se precisar. Pode polvilhar queijo ralado (eu preferi ralar queijo estepe sobre o risoto).

Minha sugestão de bebida é um bom vinho tinto, mas pode tomar uma cerveja artesanal, mais encorpada, se preferir. 

E um bom apetite!

Pra quem não conhece, a slowcook é um excelente utensílio para a cozinha porque permite cozinhar quase todo tipo de carne, aves, etc, principalmente carnes que precisam de um tempo maior de cozimento, deixando tudo macio e saboroso. Os modelos mais simples são muito baratos (custam cerca de 30 dólares nos EUA ou 120 reais aqui no Brasil). São fáceis de manusear e de limpar.